As 4 principais diferenças entre recrutamento e seleção

Se você é profissional de Recursos Humanos, entender a diferença entre recrutamento e seleção é muito importante. E neste artigo vamos te explicar por quê.

 

Se você é profissional de Recursos Humanos, entender a diferença entre recrutamento e seleção é muito importante. E vamos te explicar por quê.

De forma simples, recrutamento é um conjunto de técnicas e procedimentos que visa atrair candidatos potencialmente qualificados e capazes de ocupar cargos dentro da organização. 

Já a seleção é o conjunto de práticas e processos usados para escolher, dentre os candidatos disponíveis, aquele que parece ser o mais certo para o cargo existente. O candidato mais adequado será o que possivelmente trará mais resultados à organização.

De modo geral, o recrutamento e a seleção ajudam as organizações a escolherem os candidatos certos para os cargos certos. 

Portanto, entender a diferença entre recrutamento e seleção é fundamental para reduzir eventuais perdas para uma organização e tornar o seu trabalho ainda mais efetivo.

 

O que é recrutamento?

Como você leu anteriormente, recrutamento é o processo no qual a pessoa responsável oferece a possibilidade de uma vaga de emprego para uma pessoa.

Em outras palavras, é quando candidatos em potencial são procurados e encorajados a se candidatarem a empregos dentro de uma organização.

Este é apenas um passo no processo de contratação, mas é um processo longo que envolve uma série de tarefas, começando com o alinhamento do perfil e requisitos para a vaga e terminando com a contratação do melhor profissional. 

As tarefas específicas envolvidas no processo de recrutamento incluem:

  • Alinhamento do perfil e requisitas da vaga;
  • Anúncio da vaga;
  • Ações de atração de candidatos;
  • Análise das candidaturas.

Dessa forma, você, enquanto profissional de Recursos Humanos, é a pessoa responsável por essas atividades, seja interna ou externamente.

O que é seleção?

A seleção é o processo de identificação de um indivíduo entre um grupo de candidatos a emprego com as qualificações e competências necessárias para preencher os cargos na organização.

Este é um processo de RH que ajuda a diferenciar entre candidatos alinhados e não alinhados com os requisitos da vaga por meio da aplicação de várias técnicas.

O termo “seleção” vem do objetivo de colocar a pessoa certa no trabalho certo.

Dessa forma, é o processo no qual várias estratégias são empregadas para ajudar os recrutadores a decidir qual candidato é o mais adequado para o trabalho. Algumas atividades incluem:

  • Triagem de currículos;
  • Eliminação de candidatos desalinhados com o perfil da vaga;
  • Aplicação de testes (testes de aptidão, testes de inteligência, testes de desempenho, testes de personalidade, entre outros.)
  • Realização de dinâmicas;
  • Entrevistas (podem ser coletivas ou em grupo, individuais, técnicas, por competência, via telefone, remota ou presencial e painel);
  • Escolha do candidato;
  • Proposta de trabalho para o candidato;
  • Recolhimento de documentação e exame médico.

O processo de seleção é uma etapa que consome muito tempo na experiência de contratação de um funcionário.

Os profissionais de RH devem identificar cuidadosamente a elegibilidade de cada candidato para o cargo, tomando cuidado para não desconsiderar fatores importantes, como qualificação técnica, competências comportamentais e fit cultural.

As 4 diferenças entre recrutamento e seleção

O processo de recrutamento envolve o desenvolvimento de técnicas adequadas para atrair mais candidatos para uma vaga, enquanto o processo de seleção envolve a identificação do candidato mais adequado para a vaga.

Assim, o recrutamento precede o processo de seleção, e o processo de seleção só é concluído quando uma oferta de emprego é feita e entregue ao candidato selecionado.

Para ajudar você a entender completamente a diferença entre recrutamento e seleção, veja quais são as 4 principais diferenças:

Já conferiu nossas vagas abertas?

1. Encontrar X Escolher

Essa é a diferença mais simples e que, se você chegou até aqui, provavelmente já entendeu, mas nunca é demais reforçar. Vamos lá:

O recrutamento consiste na aplicação de um conjunto de técnicas e procedimentos que visam atrair a atenção de candidatos potencialmente qualificados. 

Assim, o método mais comum e popular de recrutamento é a divulgação de um site, e-mail ou plataforma para receber currículos interessados em uma vaga de emprego específica.

A seleção, por sua vez, possui um objetivo mais definido e fechado, e se baseia na contratação de um profissional para um cargo que está disponível.

Trata-se, portanto, de uma etapa posterior ao recrutamento: após atrair diversos candidatos, é iniciada a seleção que irá escolher os candidatos mais adequados para a empresa.

2. Simples X Complexo

Entre os dois, o recrutamento é relativamente um processo mais simples de ser feito.

O recrutamento faz com que o recrutador preste menos atenção aos detalhes dos candidatos, enquanto a seleção envolve um exame mais minucioso, onde os recrutadores visam aprender cada detalhe sobre cada candidato, para que possam escolher a combinação perfeita para o trabalho.

No entanto, um recrutamento mal feito necessariamente prejudicará a etapa de Seleção. Então atente-se ao fato de que “mais simples” não quer dizer “menos importante”!

3. Rápido X Demorado

O recrutamento é mais rápido e menos exigente, pois consiste em identificar as necessidades do trabalho, realizar o anúncio, a divulgação da vaga e a análise do material enviado.

Já a seleção envolve uma ampla gama de atividades, que podem ser demoradas e relativamente mais complexas.

4. Vários canais X Várias etapas

No recrutamento, a comunicação da vaga é feita por meio de diversas fontes como internet e jornais e distribui os formulários de candidatura com facilidade para que as pessoas possam se candidatar.

Durante o processo de seleção, a avaliação é feita por meio de várias etapas de avaliação, como preenchimento de formulários, provas técnicas, entrevistas, etc.

Bônus: tabela comparativa das diferenças entre recrutamento e seleção

A empresa indiana Picts criou uma tabela comparativa destacando as diferenças de forma simples e direta e a traduzimos abaixo, confira:

Entender a diferença entre recrutamento e seleção ajuda a compreender as etapas de um processo seletivo

Depois deste artigo, ficou fácil entender as diferenças entre recrutamento e seleção, não é mesmo?

Então, tenha sempre em mente que reconhecer a importância dessas duas fases distintas será o que melhorará o processo de contratação da empresa em que você trabalha.

E, com um processo de contratação forte e eficaz, você poderá construir uma força de trabalho na qual cada indivíduo se alinha perfeitamente com as metas de sucesso da sua organização, o que também garantirá o seu próprio sucesso!


Quer receber mais dicas dicas sobre recrutamento e seleção?  Continue nos acompanhando nas nossas redes sociais!

– Eventos RH no Facebook

– Eventos RH no Linkedin